DHEA: Tudo o que você precisa saber.

Está pensando em utilizar DHEA na perda de peso, aumento da testosterona ou para retardar o envelhecimento? Descubra aqui tudo sobre esse hormônio que é produzido naturalmente em nosso organismo, e como utilizá-lo para ter um melhor resultado!

DHEA (desidroepiandrosterona) é um hormônio produzido pelas glândulas adrenais do corpo. Os suplementos são produzidos a partir de soja ou inhame selvagem. Não se sabe ainda tudo o que a DHEA pode fazer, mas sabe-se que é um precursor dos hormônios sexuais masculinos e femininos, incluindo testosterona e estrogênio.

Até os 20 anos nosso organismo possui bons níveis de DHEA, porém há um declínio nessa produção conforme a idade avança. Mas podemos suprir a necessidade no organismo com a ingestão oral. Pois quando consumimos, mesmo quimicamente sintetizado, a conversão para aumento do hormônio masculino e para elevação do hormônio feminino ocorre da mesma forma.

Para que serve?

Este suplemento é indicado em caso de disfunções hormonais, sendo normalmente recomendado pelos médicos com o objetivo de manter os níveis hormonais controlados, principalmente testosterona e estrogênio.  Vários estudos comprovam que o uso adequado resulta numa melhora na qualidade de vida. Isso porque, os níveis de DHEA no sangue estão diretamente ligados com a saúde em geral, vitalidade, sensação de bem-estar, e maior tolerância ao estresse, entre outros

Benefícios:

Considerando que a perda hormonal traz complicações as vezes severas, com o uso deste fármaco, várias pessoas que estão entrando na fase madura da vida podem se beneficiar. Lembrando que, não necessariamente todos os homens e mulheres com mais de trinta anos precisam de reposição hormonal. Alguns desses benefícios são:

  • Aumento nos níveis de energia e disposição;
  • Contribui para uma melhora da pele, deixando mais rígida e tonificada;
  • Aumento na proteção óssea;
  • Ameniza os efeitos da andropausa;
  • Auxilia no controle dos níveis de cortisol;
  • Aumento da massa muscular;
  • Controle dos níveis de glicose no organismo;
  • Diminuição da gordura corporal;
  • Aumento da testosterona;
  • Prevenção contra hipertensão, diabetes e osteoporose;
  • Aumento da libido;
  • Defesa do organismo contra alguns tipos de câncer;

Como utilizar?

A quantidade do suplemento deve ser determinado pelo médico de acordo com o objetivo e necessidade da pessoa. Nas mulheres, pode ser recomendado utilizar 25 a 50 mg de suplemento, enquanto que nos homens 50 a 100 mg, no entanto essa quantidade pode variar de acordo com a marca do suplemento e concentração por cápsula.

Porém, há períodos específicos para uso deste suplemento. Não é recomendado que este tempo exceda 12 meses (uso contínuo), mas isso depende muito do quadro clínico de cada pessoa. E é importante lembrar que somente médicos podem avaliar com precisão, portanto é de extrema importância que o usuário consuma diante da prescrição do profissional da saúde.

Top 10

Para te ajudar a escolher o melhor suplemento pra você, preparamos uma seleção com os #TOP 10:

Apesar de estarmos falando de uma substância que o organismo produz, mulheres grávidas e que amamentam não devem consumir o produto. Também não é recomendado para crianças e outras pessoas com menos de 35 anos. Indivíduos com câncer (mama e próstata) devem evitar.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *